top of page

MERCADO SUL-AFRICANO PODE IMPULSIONAR VENDAS BRASILEIRAS DE SAPATO EM 2014

​​A África do Sul pode se transformar em um mercado muito promissor para as exportações brasileiras de calçados nos próximos anos, segundo avaliação do Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações mantido pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados). Só em 2013 o país africano registrou um consumo interno de mais de 250 milhões de pares, 4,8 pares per capita. Porém, no mesmo período, a produção de calçados no país africano foi de pouco mais de 50 milhões de pares, conforme dados levantados pela consultoria Whitehouse & Associados. "Nos últimos dez anos, notamos um crescimento de quase 100% no consumo per capita, que era de 2,8 pares em 2003", afirma o coordenador da Unidade de Desenvolvimento da Abicalçados, Cristian Schlindwein. Segundo o executivo, o varejo de produtos de moda da África do Sul representa 20% do total das vendas e o avanço desse setor foi de 7% no ano passado. "A melhor taxa de crescimento do varejo entre os setores do mercado", acrescenta. Em 2013, o Brasil exportou 1 milhão de pares de calçados para a África do Sul, expansão de 45,5% em relação ao ano anterior, de acordo com a Abicalçados. "Existe potencial ainda maior neste ano, especialmente motivado por um câmbio mais competitivo para o calçado brasileiro", reforça Schlindwein. Outro mercado que vem chamando a atenção dos empresários brasileiros é a Colômbia. No ano passado, o país sul-americano respondeu por 3,6% do faturamento total obtido com as exportações de calçados, somando US$ 39,3 milhões. Hoje, o maior parceiro do Brasil na América do Sul continua sendo a Argentina, que apenas em 2013 foi responsável por 10,9% da receita, contabilizando US$ 118,8 milhões. Em seguida aparecem Paraguai e Bolívia. Juntos, eles representaram 9,1% das exportações brasileiras de calçados no último ano, em valor. De acordo com dados da Abicalçados, o primeiro gerou uma receita de US$ 55,2 milhões, enquanto o segundo agregou US$ 44,9 milhões. No mesmo período de análise, as exportações brasileiras de calçados, em volume, cresceram 8,5% no ano passado em comparação com 2012, somando 122,9 milhões de pares. O valor médio por par caiu 7,6% em 2013 ante 2012. Atualmente, os Estados Unidos, a Argentina e a França são os três principais países importadores de calçados brasileiros, em valor. No ano passado, eles responderam por 34,6% do faturamento total do ano registrado com as exportações, que atingiram a casa dos US$ 1,095 bilhão, alta de 0,2% ante 2012. Fonte: Diário do Comércio e Indústria

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

GOVERNO REDUZ IMPOSTO DE IMPORTAÇÃO DE VÁRIOS PRODUTOS

Produtos como arroz, feijão, carne e massas fazem parte da lista. O governo federal decidiu pela redução de 10% nas alíquotas do imposto de importação sobre vários produtos. O objetivo é, segundo o Mi

Comments


bottom of page